Com -17º, as crianças finlandesas vão para a escola de bicicleta.


Consegue imaginar crianças indo para a escola de bicicleta com -17º? Bem, na cidade finlandesa de Oulu é algo comum e normal.


Em Portugal, as portas das escolas são um cemitério de carros amontoados que procuram deixar as crianças o mais perto possível e se o dia estiver frio ou chover ou nevar duplica, formando um terrível engarrafamento. Na cidade de Oulu, Pekka Tahkola, engenheira especialista em planeamento urbano e coordenadora de ciclismo da cidade, postou uma foto do estacionamento de bicicletas da escola um dia a -17º para sugerir que a infraestrutura de ciclismo da cidade funciona perfeitamente mesmo na neve. Dos 1.200 alunos que frequentam essa escola em Oulu, 1.000 frequentam as aulas todos os dias de bicicleta, enquanto os 200 restantes o fazem a pé, com skis de neve ou de carro. Algo que num país com um clima tão adverso usar a bicicleta como meio de transporte é um sucesso e com o qual os países do sul devem aprender muito. Na Finlândia, o ciclismo é normal e o hábito de levá-lo com qualquer clima faz com que seus habitantes fiquem calmos e endurecidos pedalando em temperaturas gélidas com boas roupas de agasalho.

0 views0 comments